Como declarar seus investimentos no Imposto de Renda?

Chegou aquela época do ano em que temos que prestar contas com o Leão.

Seus investimentos precisam ser declarados. Por isso, montamos esse guia para facilitar sua vida e te dar todas as informações que você vai precisar na hora da declaração.

Temos duas modalidades de declaração: fundos de investimentos e previdência privada. Lembrando que fundos de previdência têm particularidades e você deve ficar atento. Fizemos uma sessão especial para eles.

Você precisará fazer tudo pelo site da Receita Federal e baixar o programa de declaração do IRPF.

Tenha em mãos todos os seus Informes de Rendimentos, inclusive os da Vitreo, para agilizar o processo (a seguir o passo-a-passo para baixá-lo).


Como declarar meus investimentos em FUNDOS

Como acesso meu Informe de Rendimentos?

  • Acesse a sua área logada no site da Vitreo. O seu Informe de Rendimentos está disponível apenas através do nosso site, não sendo possível acessá-lo através do App Vitreo. Acesse nosso site aqui.
  • Logo na tela inicial, em um barra do lado direito da tela, clique no ícone "IR 2020".:
202002-ir-01
  • Em seguida, clique na opção Informe de rendimento - Fundos de investimento.
202002-ir-01
  • Ao clicar em "Informe de rendimento - Fundos de investimento", o download do seu Informe de Rendimentos começará imediatamente. Clique no arquivo para visualizar o documento:
202002-ir-02

Depois de completar os dados pessoais no programa da Receita Federal, você poderá dar início à declaração dos seus fundos de investimentos.

Os fundos de investimento estão sujeitos à chamada Tributação Exclusiva ou Definitiva. Você terá que preencher alguns dados em duas etapas:


1º etapa - Informe o saldo das suas aplicações na aba "Bens e Direitos";

  1. No campo esquerdo do programa da Receita Federal, clique em “Bens e Direitos”:
202002-ir-03
  1. Na aba de “Bens e Direitos”, clique em “Novo”:
202002-ir-04
  1. A seguir, você deverá informar o saldo no fundo e seu respectivo código, já que cada tipo de fundo tem um código diferente, que determina o tipo de tributação.

    Já elencamos os fundos da Vitreo por códigos para facilitar:

Código 72:
Fundos de longo prazo

VITREO CANABIDIOL LIGHT FICFIM

VITREO CARTEIRA UNIVERSA FIM

VITREO EXPONENCIAL LIGHT FICFIM

VITREO FOF MELHORES FUNDOS FICFIM CrPr

VITREO FOF MELHORES FUNDOS MULTIMERCADOS FICFIM

VITREO MONEY RIDER HEDGE FUND FIM IE

VITREO MONEY RIDER HEDGE FUND LIGHT FICFIM

VITREO OURO FICFIM

VITREO PRP FIM

Código 74:
Fundos de ações e ETFs

VITREO CANABIDIOL FIA IE

VITREO FOF MELHORES FUNDOS AÇÕES FICFIA

VITREO EXPONENCIAL FIA IE

VITREO MAB PLUS FIA

VITREO OPORTUNIDADES DE UMA VIDA FIA 

202002-ir-05
  1. No campo do CNPJ, você deve informar o CNPJ do Santander Securities Services Brasil DTVM S/A, administrador dos fundos: 62.318.407/0001-19.

  2. No campo “Discriminação” informe o nome do fundo e a quantidade das cotas que você tinha no final de 2019. Você pode visualizar a quantidade de cotas em cada fundo no campo 8, “Informações complementares”, do seu Informe de Rendimentos.
202002-ir-06
  1. Nos campos das situações, coloque os saldos (em reais) de cada um dos fundos que está declarando. Essa informação você também encontra no campo 8, “Informações complementares” do seu Informe de Rendimentos.
202002-ir-07
  1. Ao finalizar o processo, clique em “Ok” no lado inferior direito da tela.

2º etapa - Os rendimentos das aplicações, mesmo que você não tenha feito resgates no período, devem ser informados na aba "Rendimentos de Aplicações Sujeitas à Tributação Exclusiva/Definitiva".

  1. Para informar os rendimentos, acesse a aba “Rendimentos Sujeitos à Tributação Exclusiva/Definitiva”:
202002-ir-08
  1. Na aba “Rendimentos Sujeitos à Tributação Exclusiva/Definitiva”, clique em “Novo”:
202002-ir-09
  1. Na aba que aparecerá, selecione o tópico “Rendimentos de Aplicações Financeiras” e “Titular” no Tipo de Beneficiário:
202002-ir-10
  1. No campo do CNPJ, você deve informar o CNPJ do Santander Securities Services Brasil DTVM S/A, administrador dos fundos: 62.318.407/0001-19.
  2. Em “Nome da Fonte Pagadora”, preencha com o nome do administrador dos fundos: Santander Securities Services Brasil DTVM S/A.
  3. O campo “Valor”, preencha com os rendimentos líquidos das suas aplicações. Eles se encontram no campo 5, “Rendimentos Sujeitos à Tributação Exclusiva”, do seu Informe de Rendimentos.
202002-ir-11
  1. Ao finalizar o processo, clique em “Ok” no lado inferior direito da tela.

Ao fechar o programa da Receita Federal seus dados ficarão salvos. Para acessá-los novamente, basta clicar em "Abrir".


Como declarar meus investimentos em fundos de PREVIDÊNCIA

Como foi dito, os fundos de previdência têm particularidades e você deve ficar atento. Dedicamos essa sessão especial para que você saiba todos os detalhes:

Antes de tudo, você vai precisar do seu Informe de Rendimentos. Siga as instruções abaixo para fazer o download.

  1. Logo na tela inicial, em um barra do lado direito da tela, clique no ícone "IR 2020".
202002-ir-12
  1. Em seguida, clique na opção Informe de rendimento - Previdência.
202002-ir-12
  1. Para fazer o download do seu Informe de Rendimentos de Previdência temos que acessar o sistema da Icatu (a seguradora dos FoFs de Previdência da Vitreo). Por isso precisamos da sua autorização: quando aparecer na tela o “Termo de autorização de envio de informações”, você deve aceitar para prosseguir.
202002-ir-13
  1. Ao aceitar o Termo, o download do seu informe começará imediatamente. Clique no arquivo para visualizar seu “Informe de Rendimentos Financeiros”:
202002-ir-14

Com o Informe de Rendimentos em mãos, agora você já pode completar a sua declaração. Após completar seus dados pessoais no programa da Receita Federal, você poderá dar início à declaração dos seus fundos de previdência.


Como declarar um PGBL?

O PGBL (Plano Gerador de Benefício Livre) não deve ser declarado como um bem. Portanto, é preciso que você declare apenas os seus aportes no campo “Pagamentos Efetuados”.

  1. No campo esquerdo do programa da Receita, clique em “Pagamentos efetuados”:
202002-ir-15
  1. Na aba de “Pagamentos efetuados”, clique em “Novo”:
202002-ir-16
  1. Em seguida, você completará com o código do pagamento (36 – Previdência Complementar) e se o plano está em seu nome (Titular) ou do seu dependente.
  2. Nos campos de “CNPJ” e “Nome”, você poderá completar com: 42.283.770/0001-39 e o nome da seguradora, a Icatu Seguros S/A.
  3. Em “Valor pago”, você deverá completar com o total de aportes feitos no ano-calendário, como no campo 8, “Informações Complementares” do “Informe de Rendimentos”:
202002-ir-17 202002-ir-18
  1. Ao finalizar o processo, clique em “Ok” no lado inferior direito da tela.

Como declarar um VGBL?

O VGBL (Vida Gerador de Benefício Livre) deve ser declarado como um bem.

  1. Você precisa acessar o campo “Bens e Direitos” no lado esquerdo do programa.
202002-ir-19
  1. Na aba de “Bens e Direitos”, clique em “Novo”:
202002-ir-20
  1. Em seguida, você deve completar com o código do bem (97 – VGBL – Vida Gerador de Benefício Livre) e a localização é 105 – Brasil:
202002-ir-21
  1. O próximo passo é preencher o CNPJ do fundo de previdência. Segue abaixo:

    33.269.222/0001-63       VITREO FOF PREVIDÊNCIA ARROJADO ICATU FIM
    33.884.185/0001-01        VITREO FOF PREVIDÊNCIA CONSERVADOR ICATU FIRF
    33.269.171/0001-70         VITREO FOF SUPERPREVIDÊNCIA 2 ICATU FIM
    30.521.533/0001-80        VITREO FOF SUPERPREVIDÊNCIA ICATU FIM
  2. No campo “Discriminação”, você deve detalhar o bem. Você poderá completar com: Nome do fundo de previdência – Nome do Titular, CPF do Titular e Nº do certificado. Para verificar o Nº do certificado do seu plano, acesse sua área logada da Vitreo e clique em “Previdência”.
  3. Ao informar os valores do seu plano VGBL, é importante ressaltar que aqui falamos apenas do saldo que você tem nesta modalidade. Não estamos levando em conta os rendimentos sobre o investimento nem os resgastes eventualmente feitos.

Você completará com o saldo de 31/12/2018 e 31/12/2019. Neste caso, você deverá preencher apenas com os valores citados no Informe de Rendimentos – que irá considerar apenas aportes e/ou retiradas, desconsiderando os rendimentos.

202002-ir-22

Para verificar as situações do seu plano VGBL, vá no campo 6, “Saldo em Contas Correntes” do do seu “Informe de rendimentos”:

202002-ir-23
  1. Ao concluir o processo, clique em “Ok” no canto inferior direito da tela.

Como eu declaro o regime tributário do meu plano de previdência?

Quando chega a hora de receber o montante que acumulou, você poderá escolher se quer resgatar ou ter uma renda (que pode ser vitalícia). O mesmo vale para resgates feitos “antes da hora de aposentar”.

Na hora de receber o dinheiro, o que vai ser levado em conta e que vai determinar o modo de declaração não é a modalidade (PGBL ou VGBL), mas sim o regime tributário que você escolheu: Progressivo ou Regressivo.


Regime Progressivo:

No regime progressivo, os rendimentos serão tributados na Declaração devido aos ajustes que devem ser feitos. Sendo assim, devem ser declarados no campo “Rendimentos Tributáveis Recebidos de Pessoa Jurídica”.

  1. No campo esquerdo do programa, clique em “Rendimentos Tributáveis Recebidos de Pessoa Jurídica”:
202002-ir-24
  1. Na aba que aparecerá, informe o número 42.283.770/0001-39 no campo do CNPJ e Icatu Seguros S/A no campo do Nome da Fonte Pagadora:
202002-ir-25
  1. Os campos “Rendimentos recebidos de pessoa jurídica” e “Imposto retido na fonte” devem ser preenchidos com os valores do campo “Rendimentos Tributáveis na Declaração de Ajuste Anual" do seu informe de rendimentos, de acordo com a modalidade do seu plano: VGBL ou PGBL. Os demais campos de valores ficarão em branco.
202002-ir-26
  1. Ao finalizar, clique em “Ok” no canto inferior direito do programa.

Regime Regressivo:

Os rendimentos recebidos em planos com regime regressivo são tributados exclusivamente na fonte pagadora. Dessa forma, devem ser declarados no campo “Rendimentos Sujeitos à Tributação Exclusiva/Definitiva”.

  1. No campo esquerdo, clique em “Rendimentos Sujeitos à Tributação Exclusiva/Definitiva”:
202002-ir-27
  1. Na aba “Rendimentos Sujeitos à Tributação Exclusiva/Definitiva”, clique em “Novo”:
202002-ir-28
  1. Na aba que aparecerá, o campo “Tipo de Rendimento” deve ser preenchido com “12 –Outros”;
  2. Em “Tipo de Beneficiário”, você assinalará se o plano está em seu nome ou de seu dependente;
  3. Em seguida, informe o número 42.283.770/0001-39 no campo do CNPJ e Icatu Seguros S/A no campo do Nome da Fonte Pagadora;
  4. No campo “Descrição”, você precisa informar o nome do fundo e se o plano é PGBL ou VGBL. Por exemplo: “FoF SuperPrevidência – PGBL”.
202002-ir-29
  1. Por fim, no campo “Valor” você preencherá com as informações correspondentes ao resgate ou benefício, conforme informado pela seguradora no informe de rendimentos no campo “Rendimentos Sujeitos à Tributação Exclusiva”:
202002-ir-30
  1. Ao finalizar, clique em “Ok” no canto inferior direito do programa.

Ao fechar o programa da Receita Federal seus dados ficarão salvos. Para acessá-los novamente, basta clicar em "Abrir".

A distribuição entre os fundos de investimento pode ser alterada a exclusivo critério da Vitreo, tanto no que se refere aos percentuais, quanto à inclusão ou exclusão de novos fundos de investimento na carteira. Fundos de investimento não contam com garantia do administrador, do gestor, do custodiante, de qualquer mecanismo de seguro ou do fundo garantidor de créditos – FGC. As informações constantes nessa plataforma estão em consonância com os regulamentos dos fundos de investimento, mas não os substituem. Leia o regulamento, o formulário de informações complementares e a lâmina de informações essenciais dos fundos antes de investir. O regulamento, o formulário de informações complementares e as lâminas de informações essenciais, quando obrigatórios, estão disponíveis nesta plataforma. A descrição do tipo ANBIMA está disponível no formulário de informações complementares de cada fundo. Os fundos possuem datas próprias e diferentes entre si de conversão de cotas, de pedido de resgate, e de pagamentos de resgate, conforme seus respectivos regulamentos. Os investimentos em fundos estão sujeitos a riscos específicos de mercado. Os fundos disponíveis nesta plataforma poderão estar expostos à significativa concentração de ativos de poucos emissores com os riscos daí decorrentes. Alguns fundos, estão autorizados a realizar aplicações em ativos financeiros no exterior. Os fundos de crédito privado estão sujeitos a risco de perda substancial de seu patrimônio líquido em caso de eventos que acarretem o não pagamento dos ativos integrantes de sua carteira, inclusive por força de intervenção, liquidação, regime de administração temporária, falência, recuperação judicial ou extrajudicial dos emissores responsáveis pelos ativos do fundo. O investimento em renda variável é considerado de risco elevado, em virtude das grandes variações de rendimentos a que tais investimentos estão sujeitos, inclusive de perda de parte do investimento. Os fundos de cotas aplicam em fundos de investimento que utilizam estratégias com derivativos como parte integrante de sua política de investimento. Tais estratégias, da forma como são adotadas, podem resultar em perdas patrimoniais para seus cotistas. As rentabilidades divulgadas não são líquidas de impostos. Rentabilidade passada não representa garantia de rentabilidade futura. Para avaliação da performance de um fundo de investimento, é recomendável a análise individualizada de, no mínimo, 12 (doze) meses. As comparações entre rentabilidade e indicadores econômicos, quando disponíveis nesta plataforma, são para de mera referência econômica e não necessariamente meta ou parâmetro de performance dos fundos, e tampouco representam garantia de retorno pela Vitreo.